Livro: Ame o Que É Seu

Esse é o 3º livro de Emily Giffin que leio, e assim como nos outros, esse também me envolveu de uma forma tão intensa que não consigo descrever com palavras. Já falei o quanto aprecio o autor que me prende desde a 1ª página, e ela faz exatamente isso. Outra coisa que me chamou atenção foi personagens com idade acima dos 30 (mas não querendo insinuar que são pessoas velhas, feias e essas coisas ahahahaha)! Quando você chega a uma certa idade (27 rs rs), você anseia por histórias com alguém dessa faixa etária.. alguém que seja mais parecido com você. Achou o amor tarde, não casou ainda, essas coisas que tendem a acontecer com pessoas como eu. E apesar da nossa protagonista Ellen estar casada, as dúvidas que envolvem sua cabecinha são parecidas com as que eu tenho ou teria se estivesse na posição dela (aquilo de transtorno que ela tem, contar datas, prestar atenção no diálogo, na roupa, no local, o dia, a hora, memorizar tudo para um futuro próximo ou não é o que sempre faço ahahahaahahah, além de claro guardar tudo por escrito, e algum tipo de objeto que faça lembrar o 'acontecimento'). Estou com dificuldades para escrever e parar de chorar. O livro é exatamente o que você espera depois de já ter lido Emily, o livro é exatamente o que você espera ao ver a capa,  o livro é exatamente o que você espera após ler a sinopse e é exatamente o que espera ao ler a 1ª página!

Sinopse: “Como amar de verdade a pessoa que está comigo, se não consigo esquecer alguém que ficou no passado?”. O tema deste livro é aquela pulga atrás da orelha de imaginar como seria a vida se tivéssemos feitos outras escolhas. Esta é uma história para quem algum dia já se perguntou. Em Ame o que é seu o leitor encontrará a história de uma mulher (Ellen) dividida entre o amor real e aquele fatídico “ E, se”. O desenrolar da história é contagiante, pois a cada página acontecem novas cenas que é quase impossível abandonar a leitura, ou ... não se colocar em seu lugar.
| Autora: Emily Giffin | Editora: Novo Conceito | Páginas: 312 | Tempo de leitura: 5 dias | Comprar: R$ 23,90 |
Eu meio que acredito que casamento é para acontecer 1 vez e até que a morte os separe. E talvez por isso entenda o motivo de eu estar sozinha (!!!). Mas é complicado.. principalmente para pessoas com passado, e meio dramáticas.. reencontrar alguém dessa forma. Não quero julgar.. nem posso julgar, eu entendo tão perfeitamente. E esse livro é perfeito por isso... você fica tão envolvida com as pessoas... que você precisa parar de ler por um momento para respirar fundo e aguentar o que está por vir. Ah e óbvio que trouxe a tona lembranças minhas.. principalmente com o nome usado Leo... ahahahaha bem mas isso não vem ao caso (quer dizer se você se interessar por algo, é só procurar no arquivo do blog...ehehehe). Voltando ao lance de julgar, eu torço pelo romance, pela felicidade, mas não gosto que alguém tenha que sofrer, não gosto dos joguinhos que a maioria das pessoas fazem, e depois magoam as pessoas. A Ellen não faz nada disso, suas situações são tão reais.. você se familiariza, e vai torcendo para apenas existir uma escolha certa. Sendo essa escolha o destino, ou apenas o que precisa ser. E como vemos no próprio livro "Sempre que houver escolha, haverá dúvida".



A única questão de todos esses livros é: Como as pessoas se virariam sem uma melhor amiga, uma irmã, etc? Sempre são essenciais para as principais decisões nessas vidinhas que acompanhamos.... gostaria de ler alguma vez alguém que superou tudo sem esse tipo de ajuda.. impossível talvez hein!? E sem bebida então?

Ainda estou meio pensativa com o livro. Simplesmente adoro essa sensação. Estou com os olhos vermelhos, e o coração palpitando. E o que ele fez eu pensar.. e todos os momentos de dúvida que fez eu 'presenciar'... prefiro que a Ellen faça isso ou aquilo? Eu sentia como se fosse eu, e detesto escolher esse tipo de coisa. Acho que por isso eu chorei tanto... e a cada pensamento dela, lembrança parecia que era eu, e as lágrimas iam caindo.. e eu via o livro acabando e dava mais vontade de chorar, sendo que eu queria terminar logo e ver como seria o final. Praticamente não tenho do que reclamar... até as atitudes meio imbecis da Ellen eu acabei aceitando (não que eu faria como ela... eu conto logo a verdade... quando o relacionamento inicia com a verdade claro). É algo que não achamos culpados, é algo do ser humano, é algo que só o amor explica, e ele em si nem tem muita explicação. Quero mais livros da Emily! Se você ainda não leu nada dela, leia o mais rápido possível.. você não sabe o que está perdendo. Definitivamente ela entra de vez na minha lista de autores favoritos e o livro também.. é claro.

Dani Fuller é administradora do blog e está sempre buscando algum diferencial para seus leitores. Sempre que possível ela posta resenhas de livros, dá dicas de séries, inventa promoções etc. Possui 28 anos, carioca, viciada em seriados, livros, filmes e compras. Adora voley e internet. Acompanhe seu blog pessoal e siga seu twitter @DaniFuller2. Leia também todos os seus posts já publicados.

3 Curiosos:

Dani,gostei muito da sua resenha.Também estou nessa faixa etária,e é verdade o que vc falou,ás vezes sentimos mesmo a necessidade de ver histórias com personagens que pensam como a gente rsrsrsrs.
Bjs!

Gostei muito da sua resenha, eu gosto de livros assim, "mais adultos" mas sl, eu tentei ler esse livro e não consegui. "Empaquei" sabe? Acho que vou tentar de novo. :)

Bjs

Que gracinha *-*
Apesar de eu ter apenas (cof cof) 19 anos, penso muito nessas coisas e tenho MUITO medo de ficar sozinha.
Gosto de um cara e tenho medo de ficar com outros porque esse de quem eu gosto, penso que seja o certo pra mim (?).
Não sei se o livro é exatamente assim, mas agora quero lê-lo para descobrir.
Adorei a resenha! (:

Obrigada por visitar o blog DaniFuller.com e seria ótimo que pudesse também deixar um comentário. O que acha?
Evite:
* Comentários anônimos
* Comentários ofensivos
* Comentários com propagandas de blogs e afins.

Não insista, pois todos serão excluídos. Existe uma opção de contato e parceria especialmente para isso.
Todos os questionamentos serão respondidos diretamente ai na parte de comentários, quem quiser pode deixar seu twitter acrescido do @ que envio o resumo da resposta direto por lá.